Blog

7 alimentos que ajudam a emagrecer mais rápido, reduzindo a gordura abdominal e melhorando a sua composição corporal.

7 alimentos que ajudam a emagrecer mais rápido, reduzindo a gordura abdominal e melhorando a sua composição corporal.
Avalie!

Conhecimento é poder. Hoje em dia podemos contar com uma série de descobertas da ciência que nos ajudam a melhorar nossos resultados e alcançar os tão sonhados objetivos.

Muito já se sabe sobre o poder dos alimentos. Coisas simples, que estão aí na natureza e que o homem está aprendendo a usar de forma racional e inteligente.

Então, confere aí: descubra o poder dos destes alimentos:

1 – Gengibre

Vegetal nativo da Ásia, o gengibre é uma raiz tuberosa usada tanto na culinária quanto na medicina. A planta assume múltiplos benefícios terapêuticos: tem ação bactericida, é desintoxicante e ainda melhora o desempenho do sistema digestivo, respiratório e circulatório. O gengibre também é um reconhecido alimento termogênico, que pode ser capaz de acelerar o metabolismo e favorecer a queima de gordura corporal.

2 – Linhaça

A linhaça moída é excelente para baixa de peso, pois elimina o colesterol em forma rápida .
Ajuda a controlar a obesidade e a sensação desnecessária de apetite, por conter grandes quantidades de fibra dietética, tem cinco vezes mais fibra que a aveia. Se você deseja baixar de peso, tome uma colher a mais pelas tardes.

3 – Chia

chia (Salvia hispanica L.) é uma planta herbácea da família das lamiáceas, da qual também fazem parte o linho e a sálvia, tanto que é conhecida com “salvia hispânica”. Originária do México, suas sementes já eram utilizadas como alimento pelos povos das civilizações da América Central há muitos séculos. A importância do consumo desta semente tem sido reforçada por especialistas em nutrição humana, uma vez que nela são encontrados ácidos graxos poli-insaturados essenciais, fibras, proteínas e outros nutrientes. Mas a fama notória da chia foi conquistada graças aos seus efeitos sobre a dieta, pois a semente é capaz de favorecer o emagrecimento. Consumi-la significa colher uma lista de benefícios, que incluem desde regular as taxas de colesterolsanguíneo até fortalecer o sistema imunológico.

4 – Aveia

A aveia é um cereal muito nutritivo, que possui cálcio, ferro, proteínas, vitaminas (especialmente do grupo B e E), carboidratos e fibras.

Dentre tantas substâncias positivas para a saúde, as fibras solúveis merecem destaque, pois estão relacionadas a um bom funcionamento intestinal, à diminuição na absorção de colesterol total e LDL-colesterol e sua manutenção em níveis adequados. A aveia contém uma combinação certa de proteínas e carboidratos que mantém a saciedade.

Porém, para ser eficiente a aveia tem que ser consumida todos os dias.

A aveia contribui para melhorar o bom funcionamento do organismo e é aconselhável como preventivo para muitas doenças e para a manutenção da saúde de diversos órgãos do corpo.

5 – Óleo de coco

Após muitos estudos, hoje não há mais dúvidas que o óleo de coco é extraordinário para nossa saúde. Ele comprovadamente ajuda a emagrecer, melhora o sistema imune, possui ação antioxidante, além de inúmeros usos cosméticos.

O óleo de coco é essencialmente composto por gorduras boas, em maior parte pela saturada (87% do total). Essas gorduras são triglicerídeos de cadeia média (TCM), e não de cadeia longa, como normalmente encontramos nos alimentos. A vantagem é que esses triglicerídeos são muito melhor absorvidos pelo corpo, principalmente no fígado, sendo logo convertidos em energia e não se acumulando em forma de gordura no corpo. Algumas pesquisas têm demonstrado que a gordura do coco funciona até mesmo para pessoas diabéticas ou com problemas de tireoide.

Existem dois tipos desse alimento funcional: o refinado e o extravirgem. O primeiro é feito a partir do coco seco, enquanto o segundo é feito com o coco fresco. Normalmente, o óleo de coco é encontrado em estado líquido em altas temperaturas, só ficando sólido e branco abaixo de 25 graus. O normal é que ele não estrague ou fique rançoso mesmo quando armazenado há algum tempo.

6 – Cacau

A semente do cacau é rica em substâncias como os polifenóis e os flavonoides que possuem um provável efeito antioxidante no nosso organismo. Observando-se diversos estudos, a semente do cacau possui um grande poder antioxidante entre todos os alimentos. Um exemplo é o estudo de Crozier et al. publicado em 2011 que evidencia o alto escore ORAC da semente do cacau. A medida ou escore de ORAC (Oxygen Radical Absorbance Capacity) é um padrão científico que atribui o valor antioxidante para alimentos e substâncias. Um alto ORAC significa maior poder antioxidante do alimento e a semente do cacau possui um dos maiores em comparação com outros super alimentos como o açaí e o blueberry.  

De fato, uma pesquisa recente de Sansone et al publicada em setembro de 2015 no British Journal of Nutrition (fator de impacto 3,4) mostra que o consumo diário de 450mg de flavonoides do cacau foi capaz de melhorar a função endotelial em pacientes de risco para doenças cardiovasculares, além de minimizar a porcentagem de eventos cardiovasculares dentro de um período de 10 anos de acordo com o escore de risco Framingham

7 – água com limão

Um potente limpador do organismo, torna a boca mais saudável e possui ação desintoxicante, além de ser  rico em minerais como potássio, magnésio, cálcio e fosforo. O potássio, por exemplo,  é essencial para a vida e apresenta  altos benefícios para o tratamento da hipertensão arterial. É definido como altamente medicinal , já que atua de forma curativa. em mais de 150 enfermidades.

As toxinas são encontradas em qualquer parte do organismo ( sangue, órgãos e tecidos) e quando ingerimos limão, ele atua diretamente onde as toxinas se encontram, combatendo e ajudando a expulsá-las. Em casos de intoxicação gastrointestinal, ou quando temos a digestão lenta e problemas com o fígado e vesícula, o limão intervém ajudando a normalizar as funções que estão alteradas.

A água com limão é um grande aliado para a limpeza do sistema imunológico. A água misturada com limão contém ácido cítrico, que ajuda a limpar e prevenir os depósitos de cálcio que se acumulam nas artérias. Quando estes depósitos se acumulam podem provocar uma enfermidade cardiovascular.

Além disso, é importante saber que quando tomamos água com limão e não a limonada, evitamos  ganhar algumas calorias, pois não é necessário o uso do açúcar ou qualquer tipo de adoçante para deixá-lo com melhor sabor.

Comentários

Comentários

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios *

*