Blog

Postagem do Autor

Sabemos que com a rotina do dia-a-dia fica difícil tirar um tempinho para ficar com as pessoas que ama. Já pensou em aproveitar o momento de se exercitar para curtir a família?

Aqui na Alta Energia podemos te ajudar nesta tarefa 😉

Veja como malhar em família pode ser gostoso e trazer vários benefícios.

1 Pode virar estilo de vida.

Imagine que se na sua casa todos forem apaixonados por exercícios físicos, fica bem mais fácil de se habituar e não perder o foco. É o famoso “unir o útil ao agradável”. Você alcançará seus objetivos com facilidade pelo simples fato de que, se algum momento você fraquejar, vai existir alguém bem próximo para te incentivar e não deixa-lo desistir.

2 Reduz o estresse

Todos os dias milhares de pessoas passam por muitos acontecimentos estressantes. E isso é um dos fatores que mais prejudicam a saúde. Todos nós precisamos tirar um tempo para nós, fazer coisas que ama e te deixam bem.

Uma ótima forma de não deixar que isso te prejudique é fazendo exercícios físicos, e de preferência com algum familiar, pois enquanto está se exercitando você poderá colocar o papo em dia e dar boas risadas. É tudo que você precisa depois de um dia exaustivo né?

3 Manter os bons hábitos alimentares.

Uma das tarefas mais difíceis de se manter com o corpo em dia é a alimentação. É uma verdadeira missão resistir àquele doce no fundo do armário. Mas é ai que você se engana. Quando todos em sua casa estão na mesma sintonia, fica fácil resistir às tentações, até porque se todos estão com o mesmo objetivo aquele doce no fundo do armário nunca vai existir, não é verdade? 

É ai que encontramos uma ótima oportunidade de trazer sua família para academia, assim sua tarefa de manter o foco na dieta vai ficar ainda mais fácil. Imagine se sua avó virar fitness, as idas para a casa da vovó nunca mais vão ser tão preocupantes como antes. Ela agora vai te encher de comidas totalmente saudáveis e você não precisará se preocupar em sair de lá e ir correndo recuperar o prejuízo.

Após descobrir alguns benefícios de malhar em família, que tal convidar um parente e fazer a sua inscrição em uma unidade mais próxima? Clique aqui 

Anime-se, pois é fundamental manter a saúde em dia, combinado? 

Leia mais

Para alcançar metas precisamos ter força de vontade e muita organização, por isso muitas
pessoas não conseguem cumprir todos os objetivos propostos no ano novo, quem dirá
continuá-los até o Carnaval.
Muitas vezes não alcançamos nossos objetivos físicos, que exigem dias de treinamento
pesado, reeducação alimentar e uma nova rotina para quem quer conquistar o corpo dos
sonhos. Assim, vamos te ajudar com 4 dicas incríveis para que você não desanime de ir à
academia.
1. ORGANIZE-SE UM DIA ANTES
Você precisa organizar seu dia antes de ir para academia. É interessante começar essa rotina
até se você não for praticar exercícios físicos 5 dias na semana, afinal quanto mais você se
preparar, mais fácil vai ficar seguir sua rotina.
Se você faz academia de manhã ou a noite é interessante separar a sua roupa e tênis de
ginástica. Antes de dormir faça uma avaliação mental do que precisa e do que pode estar
faltando na sua bolsa de academia, depois disso é só se preparar para descansar.
2. SEPARE UMA PLAYLIST
Separe uma playlist animada para malhar, selecione as músicas que você mais adora, que te
deixam animada ou até mesmo mais concentrada, para se focar nos exercícios, por exemplo,
sua playlist para musculação tem que ter músicas mais dançantes, alegres ou metal, para
alongamento, pegue seus artista mais calmos para que você consiga concentrar.

3. NÃO VÁ SOZINHA
A maioria das pessoas não gosta de fazer as coisas sozinha, claro que sempre há exceções, mas
se você precisa de companhia chame sua mãe, tia ou prima para começar a academia com
você ou peça a uma amiga para que se inscreve em alguma modalidade com você, assim se
vocês estão juntas fica mais fácil uma dar apoio à outra na hora dos treinos.
4. FAÇA UM TREINO RESPONSÁVEL
Não adianta achar que vai ser super fácil praticar atividades físicas, pode ir com calma, pois em
uma academia séria, você vai começar bem devagar, já que seu corpo precisa se acostumar
com essa nova rotina.
Profissionais capacitados vão montar um treino para você, eles irão fazer sua avaliação física e
criar seu treino no mesmo dia.
A segunda etapa é iniciar sua rotina de treinos, depois disso você fará um check-up que tem
por objetivo avaliar as suas necessidades para aprimorar seu treino.
A última etapa fica entre a 12ª e a 14ª semana, você fará uma nova avaliação e a partir dela
seus resultados serão analisamos, podendo ser montando um novo treino para potencializar
suas conquistas e não te deixar desanimado. Além disso, alternar seus treinos é importante
para que a rotina dentro da academia não fique cansativa.

Siga nossas dicas e nunca irá faltar ânimo para praticar exercícios físicos e recuperar sua
autoestima.

Gostou do nosso artigo? Deixe um comentário que te ajudamos a superar o desânimo de ir na
academia.
Não se esqueça de seguir nossa página do Facebook e Instagram para saber das novidades!
Conheça nossas unidades no nosso site e faça sua inscrição para mudar de vida!

Leia mais

Você estuda, trabalha, tem que arrumar a casa e ter uma visa social, então o único momento
do dia, em que você consegue malhar é na manhã, certo?
Mas isso exige algo, que nós seres humanos, ainda não gostamos tanto…acordar cedo.
É difícil para a maioria das pessoas colocar o despertador para as 5h ou 6h da manhã, arrumar
suas roupas de ginástica e sair para fazer uma caminhada para aquecer ou ir à academia
direto, por isso, este artigo é dedicado a você que tem vontade de acordar de manhã para
malhar, mas não tem forças.
Vamos te dar 5 dicas incríveis para conseguir acordar cedo para praticar exercícios.

1. DESCANSE SUA MENTE
Algumas horas antes de dormir desative as notificações do celular, desligue o notebook e
feche as cortinas. Descanse sua mente, não fique contando quantas horas faltam para acordar,
não veja nada que acelere sua cabeça ou te deixe ansiosa.
Leia um livro e separe as roupas e tênis de academia, você vai acordar bem mais disposta e
não precisa correr para sair.
Durma de 6 a 8 horas por dia para realmente descansar sua cabeça.

2. NÃO ENROLE NA CAMA
A pior maneira de deixar de fazer academia é enrolar na cama. Mesmo que você coloque 8
despertadores, ainda é perigoso você simplesmente desligá-los e voltar a dormir. Não deixe a
preguiça ser desculpa para você não se cuidar.
No começo será difícil, mas se você criar essa rotina, em pouco tempo verá que no primeiro
despertador você vai estar desperta.

3. CHAME COMPANHIA
Se você não gosta de fazer exercícios físicos sozinha, chame alguém para te fazer companhia.
Pode ser sua mãe, tia, pai, prima, amigos, o importante é que eles estejam tão animados
quanto você e dispostos a mudar a saúde para melhor.

4. INVISTA EM UMA PLAYLIST
Para se animar, crie uma playlist com seu artista favorito, as músicas mais alegres para
começar o dia ou até mesmo playlist mais calma para alongamento. Não se esqueça de que
aquecer, é importante.
Se precisar de mais motivação aumente o volume, mas lembre-se de acompanhar o exercício e
não a batida da música.

5. SE DÊ UMA RECOMPENSA
Para se parabenizar depois de ter tido um dia cheio de atividades físicas, tome um suco
natural, faça uma salada saudável ou coma um chocolate diet meio amargo. Você verá que
será recompensar ter mais energia e alcançar os resultados que você tanto sonhou.

Descanse sua cabeça antes de dormir, desligue os seus aparelhos eletrônicos, coloque uma
música no seu despertador e vá mudando para não ficar irritado com o mesmo toque todo dia,
não enrole na cama e lembre-se como você se sente bem depois de malhar. Siga nossas dicas,
se esforce e cada vez mais será fácil acordar cedo para malhar.

Gostou do nosso artigo? Deixe um comentário que te ajudamos a superar o desânimo de ir na
academia.
Não se esqueça de seguir nossa página do Facebook e Instagram para saber das novidades!
Conheça nossas unidades no nosso site e faça sua inscrição para mudar de vida!

Leia mais

Você tem algum preconceito com academia? Não gosta nem de passar perto? Acordar cedo, se
exercitar e comer saudável, são palavras que você nem consegue ouvir? Se sua resposta foi
sim para todas essas perguntas acima, você precisa ler esse artigo.
Vamos te mostrar 3 dicas simples e incríveis para que você comece a gostar de academia.
Mantenha a mente aberta para nossas sugestões e não se esqueça de nos contar se
conseguimos te convencer.

1. CRIE UMA ROTINA DE EXERCÍCIOS
Se você leu nossos outros artigos, sabe que é preciso acordar disposto, se você for fazer
exercícios na parte da manhã e mesmo se fizer à noite é preciso se organizar, separar suas
roupas e tênis para que nada te atrase.
Depois de começar essa rotina de preparação, na academia será feita uma avaliação para que
com foco e acompanhamento seus resultados aparecem com segurança e rapidez.
Essa avaliação física será feita por um profissional capacitado e ele irá montar seu treino no
mesmo dia. Essa será sua rotina de exercícios.
Siga-a com uma boa playlist e dedicação que sua paixão por atividades físicas vai aparecer.
2. CRIE METAS QUE VOCÊ POSSA ALCANÇAR

Não adianta criar metas irreais para seu condicionamento físico, especialmente se você tem
uma vida sedentária.
Na sua própria avaliação o profissional vai analisar o seu condicionamento físico, além de te
perguntar quais seus objetivos na academia, seja sincera(o), se você quer emagrecer,
fortalecer os músculos ou aumentar a sua resistência física diga a verdade, ele está lá para te
ajudar.
Entre a sua 12ª e 14ª semana você fará uma nova avaliação e poderá ver um antes e depois do
seu corpo, assim fica bem mais fácil alcançar seus objetivos e expectativas.

3. CRIE UM MOMENTO ESPECIAL
Torne o momento de malhar especial. É a hora em que você se cuida, compra roupas especiais
para praticar suas atividades físicas e investe em você mesmo.
Faça da academia um refúgio quando você estiver se sentindo ansiosa, triste, estressada,
desconte suas emoções no exercício, alimente-se bem antes e depois para ter energia durante
suas sessões e lembre-se que este momento é reservado para você.
Não se esqueça de que as atividades físicas são essenciais para o corpo e mente, melhorando
sua qualidade de vida.

A academia pode ser um lugar incrível, só depende de você ter um objetivo em mente e passar

esse "obstáculo". Lembre-se que nem todas as academias são iguais, você vai gostar de passar
um tempo neste lugar especial, sempre se motivando. Não desista, no final você sentirá um
bem e vai ficar feliz por ter cumprido sua meta. Siga nossas 3 dicas para começar a gostar de
academia, que logo você não sairá dela!

Ficou com alguma dúvida sobre nosso artigo? Deixe sua opinião que te respondemos.
Seu objetivo é melhorar sua qualidade de vida a Alta Energia tem um plano especial para você,
entre em contato conosco e mude sua rotina!
Não se esqueça de seguir nossas redes sociais para saber das novidades: Facebook e Instagram

Leia mais

Andar de bicicleta é um exercício sem complicações e que muitos aprendem desde criança.
Pedalar é uma daquelas atividades que nunca esquecemos como fazer, mas nem sempre é
possível andar de bicicleta pela cidade. Seja por tempo, falta de uma bike ou mesmo
dificuldade em utilizar o espaço de onde moramos, uma solução aparece para quem quer
praticar ciclismo: o Spinning RPM.
Escrevemos este artigo para você que ainda não conhece essa modalidade ou quer saber mais
sobre ela. O Spinning RPM é diferente do que conhecemos comumente apenas como Spinning
e você saberá o porquê logo abaixo.
A diferença entre Spinning e RPM
Ambas as atividades, Spinning e RPM, trabalham com ciclismo indoor, ou seja, aquele que é
feito em lugares fechados, como academias e estúdios (o contrário dele seria outdoor – ao ar
livre, em inglês).
Já no RPM a diferença está justamente nos movimentos. Nessa modalidade, eles são pré-
coreografados e seguem uma metodologia de ensino específica. Profissionais da área da saúde
– fisioterapeutas, principalmente – são os responsáveis por elaborar as movimentações dessas
aulas.

Segue-se, então, um protocolo estabelecido previamente, que visa maneiras estudadas para
atingir os objetivos desejados. A figura do professor ainda é indispensável, já que somente ele
tem a capacidade de repassar os exercícios da maneira correta. Uma aula de Spinning RPM
dura de 45 a 60 minutos.
Tipos de exercícios no RPM
O RPM é sobre pedalar em um ambiente fechado, mas isso está longe de significar que você
fará apenas o mesmo exercício sempre. Há atividades específicas para a modalidade e o corpo
sente as mudanças dependendo de qual delas é feita. Confira abaixo três tipos de exercícios
que você pode fazer no Spinning RPM.
Subidas íngremes
Se já andou de bicicletas por lugares distintos, sabe que pedalar em um ambiente plano e liso
é diferente de se aventurar por caminhos em que o solo tem uma textura específica. Isso fica
ainda mais demarcado quando temos que andar de bike em uma subida bem inclinada. Na
aula de Spinning RPM é possível emular que você está em um lugar íngreme, o que exige mais
esforço e energia do seu corpo.
Tiros de velocidade
Você já ouviu falar de treinos de explosão? São aqueles exercícios que exigem uma velocidade
mais rápida do que o habitual. Eles são importantes porque combinando sua força com mais
velocidade você ganha em potência na atividade desempenhada. Os tiros de velocidade do
Spinning RPM trazem benefícios em aumentar o retorno que seu corpo tem ao se dedicar para
essa modalidade.

Gostou de conhecer mais do Spinning e o RPM? Ficou animado para saber mais? Procure a Alta
Energia mais perto de você e faça uma aula experimental hoje mesmo.
Se tiver qualquer dúvida, você pode entrar no nosso site ou ligar para uma de nossas unidades.
Temos profissionais prontos para te auxiliar.
Para novidades, acompanhe a Alta Energia aqui no blog, no Facebook e Instagram.

Leia mais

No nosso blog sempre falamos de atividades diferentes que podem ser feitas em academias
completas e que possuem um programa extenso de modalidades diversas. Em um de nossos
artigos, apresentamos quatro ginásticas que são feitas com dança: Pop Dance, Dança Mix,
Zumba e Sh’bam. E agora, decidimos fazer um comparativo mais detalhado entre essas duas
últimas.
Abaixo você irá conhecer melhor o que é Zumba e Sh’bam, bem como saber a diferença entre
elas. Se ainda está em dúvida sobre qual dessas modalidades fazer, acreditamos que estará
mais preparada para escolher entre elas ao final desse nosso artigo.

O que é Zumba
Zumba é o nome que se dá para a combinação entre exercícios aeróbicos e dança latina. Esse
método foi criado por um dançarino colombiano, Alberto Perez, e chegou em mais de 30
países.
Buscando suas origens latinas, o profissional desenvolveu essa atividade física com os ritmos
musicais que mais eram próximos de sua experiência. Por causa disso, a Zumba traz uma
infinidade de gêneros musicais latinos para seus alunos: reggaeton, flamenco, salsa, mambo,
pop e outros ritmos que são incorporados na rotina.

O que é Sh’bam

Sh’bam é uma modalidade que garante movimentos com muita energia e a atividade exige
entrega de seus participantes. Seu próprio nome demonstra isso: ele vem de uma expressão
em inglês que quer dizer algo muito legal, como uma explosão de luz causada por fogos de
artifício.
A Sh’bam é uma aula de ginástica para se divertir enquanto se exercita! Com músicas dos
topos das paradas e movimentos simples e modernos, você irá dançar com uma facilidade que
nunca imaginou.
Nas duas modalidades o professor precisa ser licenciado.
Diferença entre Zumba e Sh’bam
Tanto a Zumba quanto a Sh’bam são atividades de ginásticas que trabalham com movimentos
de dança. As movimentações têm como objetivo a perda calórica por meio de exercícios
aeróbicos, além de sempre investirem em muita energia boa no ambiente e trabalharem
também a autoestima de todos que praticam.
Para facilitar sua escolha entre essas duas modalidades, listamos abaixo algumas diferenças
básicas entre elas:
 Duração de uma aula: Ambas as aulas podem durar de 30 a 60 min.
 Quais os ritmos musicais: os gêneros de música latina são o foco das aulas de Zumba; a
Sh’bam trabalha com pop, hip hop e também canções atuais.

Nas duas modalidades o professor precisa ser licenciado.

Como escolher entre Zumba e Sh’bam
A filosofia de usar a dança como exercício físico está presente em ambas as atividades, mas
mais do que isso, é necessário descobrir com qual delas seu corpo sentirá mais afinidade.
Dessa maneira, a forma mais segura de fazer sua escolha é se dispor a experimentar uma aula.
Depois de experimentar esse momento exclusivo, você terá mais certeza de qual das duas é a
certa para você.

Agora que você sabe qual a diferença entre Zumba e Sh’bam está preparada para conhecer de
perto uma delas? Então procure a Alta Energia mais próxima de você e marque uma aula
experimental hoje mesmo.
Se tiver qualquer dúvida sobre essas modalidades, deixe um comentário aqui que te
responderemos.
Acompanhe nossos canais oficiais para ficar inteirada de todas as novidades da Alta Energia:
blog, Facebook e Instagram.

Leia mais

Você já ouviu falar do HIIT ou não conhece a sigla? HITT significa High Intensity Interval Training ou, em português, Treino Intervalado de Alta Intensidade. Essa modalidade tem ganhado adeptos em muitas academias pelo Brasil e isso acontece porque sua promessa é simples e bastante tentadora: resultados rápidos.

O que a maioria das pessoas quer é justamente conseguir atingir seus objetivos com rapidez. Para que isso aconteça é necessário um esforço e dedicação maior por parte de quem pratica os exercícios físicos. Abaixo você descobre o que é HIIT e ainda conhece os benefícios dele.

HIIT: para quem quer resultados em pouco tempo

Já imaginou separar apenas vinte minutos do seu dia para ir à academia? Parece muito pouco tempo, certo? Não se o seu regime de treinamento é o HIIT.

A filosofia por trás dessa atividade é que você pode gastar poucos minutos diários e ainda assim chegar até a meta que se propôs – para saber mais sobre essa ideia, você pode ler nosso artigo sobre o CxWorx. Para que isso aconteça é necessário compensar o pouco tempo com uma intensidade bem maior do que comumente estamos acostumados a ver.

As aulas de HIIT são muito intensas e combinam uma sequência de exercícios com um intervalo pequeno de descanso entre eles. Há agachamentos, flexões, corridas, pulos, abdominais, tudo para fazer com que o aluno se movimente bastante durante os minutos dedicados à atividade.

Benefícios do HIIT

O HIIT é feito principalmente para quem quer queimar muitas calorias. O foco dos exercícios ajuda a perder a gordura, mas também a definir o corpo. Isso acontece porque você consegue sentir os músculos sendo trabalhados nas atividades, já que são muitas posições feitas no tempo estabelecido.

Outro benefício do HIIT é que ele não trabalha com materiais, ou seja, apenas o peso do seu corpo é utilizado nas rotinas criadas. A intensidade vai de moderada a forte e trabalha muito bem os movimentos.

Além disso, o HIIT acelera bastante o metabolismo dos seus praticantes. Para se ter uma ideia, seu corpo ainda se mantém ativo mesmo após 24 horas de que os exercícios foram feitos.

Quem pode fazer

Antes de iniciar qualquer exercício físico é indispensável que você passe por uma avaliação médica. Com o HIIT, acima de tudo, não é diferente. Isso porque a modalidade exige muito esforço. Comece no seu ritmo e vá percebendo a evolução e os resultados vão aparecendo.

Com o passar das aulas, sua energia aumenta e você consegue atingir novos objetivos. Contudo, antes de começar o HIIT, um profissional da saúde deve fazer uma avaliação cardiovascular e ortopédica em você. Como a frequência cardíaca dos exercícios passa de 85%, é importante se certificar de que você está apto a praticar a modalidade.

Conheça bem os limites do seu corpo e também converse com seu professor para saber como seria a melhor forma de aproveitar o HIIT.

Já sabia da existência desse tipo de exercícios? Ficou interessado no HIIT e quer conhecer mais dele? Na Alta Energia você pode fazer uma aula experimental. É só entrar em contato com a nossa unidade mais próxima de você.

Deixe um comentário para sabermos o que achou desse conteúdo. Sempre respondemos nossos leitores!

Para ficar inteirado das nossas novidades, leia o blog, curta o Facebook e siga o Instagram.

Leia mais

A natação é uma atividade física que permite desenvolvimento corporal e de habilidades em todas as pessoas. Desde a criança, passando pelo adulto até chegar em quem está na terceira idade, nada traz mais benefícios do que começar a nadar. Contudo, sabemos que pensar em natação com o bebê pode ser desafiador para alguns pais.

Não é incomum o pai ou a mãe ficarem com receio desse exercício, já que diversas dúvidas surgem: será que o neném vai lidar bem com a água? Não há risco dele se afogar? Posso começar a natação com o bebê em qualquer idade? O que devo ter em mente antes de me inscrever para uma aula?

Neste artigo iremos responder essas dúvidas para que você não se preocupe mais.

Seu bebê não vai se afogar

Alguns pais podem ter aquela ilusão de que a natação com o bebê é tranquila porque o neném não se afoga. A natureza tem sim uma parte a ver com isso, mas nem tudo fica apenas por conta dela.

Aquela aparente desenvoltura dos pequenos na água está ligada aos reflexos que o neném tem, não a uma coordenação consciente de seus membros na água. Como Lina Aparecida Zardo, pediatra e professora da Ufscpa, diz, os nove meses de gestação em um líquido explicam os movimentos do bebê na piscina.

A natureza está ali agindo durante a natação com o bebê, mas os profissionais devem estar atentos em como conduzir o exercício. Tudo é uma questão de conhecimento daquele ambiente. Por exemplo, a criança não vai mergulhar com pouco tempo de aula. Uma dica é ligar para a academia, conversar sobre a modalidade aquática oferecida e saber como funciona, com quantos bebês uma aula é feita e outras dúvidas que surgir.

Melhor não nadar antes dos 3 meses

A natação com o bebê é ótima para abrir os horizontes do seu filho, mas você não deve colocá-lo na água desde tão cedo. Dentro da comunidade de pediatras, há aqueles que defendem que o bebê pode começar a nadar a partir dos 3 meses, outros preferem esperar até os 6 e outros ainda aguardam os 12 meses de vida. Cada corrente de pensamento tem sua justificativa:

  • A partir dos 3 meses: assim o bebê se acostuma desde cedo com aquele ambiente;
  • A partir dos 6 meses: o neném já tomou todas as vacinas e está mais protegido contra infecções;
  • A partir de 12 meses: o bebê pode aproveitar mais as aulas, porque tem mais consciência do que está acontecendo.

O que todos concordam é que antes dos 3 meses não é bom que o neném entre em contato com piscinas. Mesmo que ele tenha os reflexos de quando estava no útero, é melhor que a natação com o bebê comece a ser feita depois do primeiro trimestre de vida.

Quanto ao momento para começar as aulas, converse com seu pediatra. Uma boa relação médico/paciente faz toda a diferença nessa escolha. Só não deixe de lado a prática de exercícios físicos para o neném.

Saiba as condições da piscina

Há um mito que garante que quando fazemos natação com o bebê ele tem mais chances de desenvolver algum problema no ouvido. Não é verdade que praticar essa atividade causa otite ou outro desconforto auricular, mas você deve se atentar ao pH da piscina e também à temperatura.

O pH do cloro precisa ser neutro ou pouco concentrado e a água necessita estar na temperatura ideal para seu filho. Converse com o pediatra e se atenha às recomendações do profissional. Depois converse com os responsáveis na academia para se certificar de que está tudo como o médico recomendou.

Isso é importante porque alguns bebês já são mais sensíveis e essas informações garantem que você saiba como deve ser o ambiente propício para ele.

Está mais calma em relação a natação com o bebê? Converse com seu pediatra e também com a academia em que seu pequeno irá entrar na piscina. É muito importante garantir a seriedade dos profissionais e ter certeza de que eles se importam com seu neném.

Deixe um comentário com sua dúvida ou elogio e se quiser saber mais sobre a modalidade aquática da Alta Energia, baixe nosso e-book 4 nados em 5 semanas.

Para conversar acerca da Natação Baby, entre no site ou ligue para uma de nossas unidades. Visite os profissionais da Alta Energia e entenda nossa metodologia de ensino em natação.

Para novidades, siga-nos no Facebook!

Leia mais

Chegar cansado em casa depois de um dia exaustivo é normal, aliás, todo mundo passa por isso. A rotina é algo muito cansativo, por isso é preciso ficar atento aos hábitos alimentares! Com a correria do dia a dia, o corpo pede por mais energia para aguentar todas as atividades. Apostar em uma alimentação equilibrada e saudável é a principal dica para melhorar seu bem-estar, e alguns alimentos tem o poder de dar uma ajudinha para te deixar mais animado.

Confira nossas dicas de alimentos, inclua-os na sua dieta e ganhe mais disposição para a pratica de atividade física.

Oleaginosas

As oleaginosas (nozes, castanhas e amêndoas) são boas fontes de proteína vegetal e gorduras insaturadas, nutrientes que atuam na redução da pressão arterial, do colesterol e dos triglicérides. Também possuem magnésio, cobre e selênio, que ajudam diminuir o estresse e melhoram a memória e a produção de energia.

Aveia

A aveia integral é fonte de carboidratos de baixo índice glicêmico que conferem energia sem levar a picos de liberação de insulina. Ajuda a controlar as taxas de açúcar no sangue e dá saciedade. Também é fonte de vitaminas do complexo B, que melhoram os níveis de produção de energia e a disposição.

Banana

A fruta é fonte de triptofano, um aminoácido precursor da serotonina. A serotonina é um neurotransmissor que tem diversas funções, como regular o sono, o humor e auxilia na prevenção de distúrbios emocionais. Além disso, é fonte também de potássio. Baixos níveis de potássio estão relacionados a sintomas como fraqueza muscular, cãibras, fadiga e apatia mental.

Açaí

O açaí é uma fruta típica brasileira, rica em carboidratos, que fornecem a energia necessária para o bom funcionamento do nosso organismo. Além disso, é fonte de gorduras insaturadas, que auxiliam no controle da pressão arterial e do colesterol. É rico em vitaminas C, B1, e B2 e antioxidantes.

4 ALIMENTOS QUE MELHORAM A DISPOSIÇÃO PARA A PRÁTICA DE ATIVIDADE FíSICA

Leia mais

Você gosta de atividades físicas que são feitas na água? Sabe as diferenças entre natação e hidroginástica? E se for para se decidir entre elas, qual escolheria? Neste artigo te falaremos sobre os benefícios dessas duas atividades e te ajudaremos a eleger a melhor para o seu corpo.

Benefícios da Natação

A natação é uma atividade física predominante aeróbica. Isso significa que além de te ajudar a queimar calorias, ela também aumenta sua resistência corporal, melhora sua coordenação motora e melhora em muito o seu condicionamento físico de maneira geral.

A natação é considerada uma das atividades física mais completa e isso é um grande diferencial quando comparada a outras atividades de caráter aeróbico com destaque para os músculos das costas, ombros e braços, peitoral e coxas. É simples, você exercita todo o seu corpo enquanto se desloca na água. E o mais legal é que com alguns exercícios focados, aparelhos e uma boa orientação profissional as aulas nunca ficam monótonas e você sempre terá um bom estimulo para desenvolver seu corpo de uma forma muito agradável.

Outros benefícios da natação são:

  • Postura correta: a flexibilidade da sua coluna melhora ao praticar os exercícios;
  • Melhora da circulação: o sangue circula melhor pelo seu corpo, o que significa mais qualidade de vida;
  • Gasto de energia: por ser praticada na água, essa atividade exige mais dos seus músculos e seu gasto energético é maior.

Além disso, aprender a nadar é muito importante para que você sinta confiança quando estiver em rios e mares. Dessa forma, essa atividade também pode ser vista como uma medida de segurança pessoal.

Benefícios da Hidroginástica

A hidroginástica, como o nome sugere, é a ginástica feita na água. Normalmente, os objetivos de seus praticantes estão ligados ao ganho de força e resistência muscular, mas, muitos conseguem uma ótima perda de peso. Isso acontece porque a resistência da água faz com que os exercícios da hidroginástica sejam bastante intensos, dessa forma, o praticante consegue manipular sua intensidade no momento de sua execução, gerando assim um maior ou menor gasto calórico. Existe um mito que reza que a hidroginástica é praticada apenas por idosos e gestantes. Isso acontece devido ao baixo impacto que essa atividade proporciona nas articulações. Mais como dito anteriormente, isso é apenas um mito. A hidroginástica pode e deve ser realizada por qualquer pessoa em qualquer momento de sua vida, pois, graças a esse baixo impacto e a pressão hidrostática que a água exerce sobre nossocorpo faz com que ela seja uma das melhores atividades físicas para todas as idades. Para quem tem problemas nas articulações, a hidroginástica é muito recomendada já que não agrava os sintomas. Outro destaque importante é que o condicionamento cardiovascular é outro ponto em que a atividade ajuda, já que a frequência cardíaca é beneficiada pelos exercícios.

Natação ou Hidroginástica: qual escolher?

Caso você não faça nenhuma dessas atividades devido à indicação médica, antes de escolher você precisa se perguntar: qual o objetivo que tenho para a saúde do meu corpo? Tanto natação quanto hidroginástica são ótimas atividades para o seu bem-estar, mas avalie os benefícios de cada uma delas para fazer sua escolha.

Está à procura de exercícios aeróbicos porque deseja condicionamento físico e queimar calorias? Então a melhor opção é a natação. Quer ganhar resistência e força muscular em um ambiente que não tenha tanto impacto sobre suas articulações? Faça uma aula experimental de hidroginástica que com certeza você se sentirá bem.

Além disso, uma boa maneira de fazer sua escolha é conversar com profissionais da área. Os professores da Alta Energia estão sempre disponíveis para que você conheça mais sobre cada uma dessas atividades e sinta segurança para escolher qual delas praticar.

Gostou de conhecer mais sobre os benefícios da natação e da hidroginástica? Sabia qual era a diferença entre as duas atividades? Deixe um comentário para nós aqui no blog e diga o que achou do conteúdo!

Na Alta Energia você tem a possibilidade de fazer qualquer uma delas. Para saber mais, acesse o site ou então ligue para uma de nossas unidades. Estaremos prontos para te receber!

Para ficar inteirado das nossas novidades, curta nossa página no Facebook!

Leia mais