Blog

Como nadar com seu bebê

Como nadar com seu bebê
Avalie!

A natação é uma atividade física que permite desenvolvimento corporal e de habilidades em todas as pessoas. Desde a criança, passando pelo adulto até chegar em quem está na terceira idade, nada traz mais benefícios do que começar a nadar. Contudo, sabemos que pensar em natação com o bebê pode ser desafiador para alguns pais.

Não é incomum o pai ou a mãe ficarem com receio desse exercício, já que diversas dúvidas surgem: será que o neném vai lidar bem com a água? Não há risco dele se afogar? Posso começar a natação com o bebê em qualquer idade? O que devo ter em mente antes de me inscrever para uma aula?

Neste artigo iremos responder essas dúvidas para que você não se preocupe mais.

Seu bebê não vai se afogar

Alguns pais podem ter aquela ilusão de que a natação com o bebê é tranquila porque o neném não se afoga. A natureza tem sim uma parte a ver com isso, mas nem tudo fica apenas por conta dela.

Aquela aparente desenvoltura dos pequenos na água está ligada aos reflexos que o neném tem, não a uma coordenação consciente de seus membros na água. Como Lina Aparecida Zardo, pediatra e professora da Ufscpa, diz, os nove meses de gestação em um líquido explicam os movimentos do bebê na piscina.

A natureza está ali agindo durante a natação com o bebê, mas os profissionais devem estar atentos em como conduzir o exercício. Tudo é uma questão de conhecimento daquele ambiente. Por exemplo, a criança não vai mergulhar com pouco tempo de aula. Uma dica é ligar para a academia, conversar sobre a modalidade aquática oferecida e saber como funciona, com quantos bebês uma aula é feita e outras dúvidas que surgir.

Melhor não nadar antes dos 3 meses

A natação com o bebê é ótima para abrir os horizontes do seu filho, mas você não deve colocá-lo na água desde tão cedo. Dentro da comunidade de pediatras, há aqueles que defendem que o bebê pode começar a nadar a partir dos 3 meses, outros preferem esperar até os 6 e outros ainda aguardam os 12 meses de vida. Cada corrente de pensamento tem sua justificativa:

  • A partir dos 3 meses: assim o bebê se acostuma desde cedo com aquele ambiente;
  • A partir dos 6 meses: o neném já tomou todas as vacinas e está mais protegido contra infecções;
  • A partir de 12 meses: o bebê pode aproveitar mais as aulas, porque tem mais consciência do que está acontecendo.

O que todos concordam é que antes dos 3 meses não é bom que o neném entre em contato com piscinas. Mesmo que ele tenha os reflexos de quando estava no útero, é melhor que a natação com o bebê comece a ser feita depois do primeiro trimestre de vida.

Quanto ao momento para começar as aulas, converse com seu pediatra. Uma boa relação médico/paciente faz toda a diferença nessa escolha. Só não deixe de lado a prática de exercícios físicos para o neném.

Saiba as condições da piscina

Há um mito que garante que quando fazemos natação com o bebê ele tem mais chances de desenvolver algum problema no ouvido. Não é verdade que praticar essa atividade causa otite ou outro desconforto auricular, mas você deve se atentar ao pH da piscina e também à temperatura.

O pH do cloro precisa ser neutro ou pouco concentrado e a água necessita estar na temperatura ideal para seu filho. Converse com o pediatra e se atenha às recomendações do profissional. Depois converse com os responsáveis na academia para se certificar de que está tudo como o médico recomendou.

Isso é importante porque alguns bebês já são mais sensíveis e essas informações garantem que você saiba como deve ser o ambiente propício para ele.

Está mais calma em relação a natação com o bebê? Converse com seu pediatra e também com a academia em que seu pequeno irá entrar na piscina. É muito importante garantir a seriedade dos profissionais e ter certeza de que eles se importam com seu neném.

Deixe um comentário com sua dúvida ou elogio e se quiser saber mais sobre a modalidade aquática da Alta Energia, baixe nosso e-book 4 nados em 5 semanas.

Para conversar acerca da Natação Baby, entre no site ou ligue para uma de nossas unidades. Visite os profissionais da Alta Energia e entenda nossa metodologia de ensino em natação.

Para novidades, siga-nos no Facebook!

Comentários

Comentários

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios *

*